• Facebook Basic Black
  • Instagram Basic Black

32ª BIENAL DE SÃO PAULO
RIKKE LUTHER

overspill: universal map

    Nesta obra a artista explora a natureza orgânica e concreta do mundo e apresenta o resultado de uma pesquisa que mescla interesses diversos e faz referência ao colapso dos conceitos modernos de progresso. 
       O conjunto total da obra requeria diversas técnicas construtivas, incluindo métodos já dominados pela Oficina São João e outros que tiveram que ser aprendidos. A OSJ produziu 5 bancos de concreto armado, 4 vitrines com iluminação interna, uma escultura em isopor revestida com argamassa, 4 painéis de azulejo, coordenou a impressão dos azulejos com os desenhos da artista e montou a obra no local da exposição.
      A escultura foi desenvolvida em conjunto com a artista através de intensa troca de desenhos, imagens de maquetes, protótipos e testes. O maior desafio foi traduzir o esboço inicial da artista em um desenho construtivo que pudesse ser escalado para o tamanho final.

 

©TiagoBaccarin/EstúdioGaragem/FundaçãoBienalDeSãoPaulo

 

©TiagoBaccarin/EstúdioGaragem/FundaçãoBienalDeSãoPaulo

 

©TiagoBaccarin/EstúdioGaragem/FundaçãoBienalDeSãoPaulo

 

©TiagoBaccarin/EstúdioGaragem/FundaçãoBienalDeSãoPaulo

DADOS TÉCNICOS
Data: 2016
Tipo: Execução e montagem de obra de arte
Técnicas: marcenaria, serralheria, concreto moldado, iluminação e montagem.

Cliente: Fundação Bienal SP